O emprego ideal

Uma das minhas vontades desde pequeno era ser comediante, mas quando eu era criança, não sabia que existia isso como profissão.

Daí me apaixonei por ser escritor… Que depois descobri que no Brasil também não é profissão.

E foi então que resolvi fazer Jornalismo – que quando terminei a faculdade tiraram a obrigatoriedade do diploma e deixou de ser profissão…

Se for pensar bem, sou um desempregado profissional!

Publicado por

RDS

Jornalista, escritor, metido a poeta e comediante. Adorador de filmes e livros, quem sabe um filósofo desocupado. Romântico incorrigível. Um menino que começou a ter barba. Filho de italianos, mas brasileiro. Emotivo, sarcástico e crítico, mas só às vezes.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s